20120430

19 de dezembro:

Chego em casa e minha mãe pergunta como foi.

20120429

18 de dezembro:

O dia inteiro deitados na areia.

Eu e ela.

20120428

17 de dezembro:

Descobrimos uma pequena praia do outro lado da trilha.

20120427

16 de dezembro:

Meus amigos já se cansaram de nós.

Não fazemos nada.

20120426

15 de dezembro:

'Achei um lugar ótimo' foi o que ela disse.

Nos deitamos no meio da trilha.

Pinguim

Quando o convívio social me obriga a dizer qualquer coisa (bom dia, obrigado, não foi nada) que meu interlocutor, pela natureza da situação, de antemão já adivinha, eu às vezes mexo a boca, apenas, e não digo nada. Outro dia, no metrô, passei do meu ponto e tive que, disfarçando para não ser flagrado nesse ato ridículo, sair com os demais na Sé, passar a catraca, entrar de novo (pagando, é claro, outra viagem) e voltar cinco estações, tudo porque, no meu ponto, não quis pedir licença a uma menina que me barrava o caminho. Nos eventos de família, eu sorrio e balanço a cabeça, conivente, enquanto pessoas que eu não conheço ou que conheço só de vista me chamam pelo nome e recontam, animadas, episódios da minha infância. Em compensação, até hoje o meu vizinho de baixo me chama de Fábio; eu respondo. O garçom erra meu prato e um outro embolsa meu troco, mas eu não falo nada. Solto pum no elevador, sempre. Falo Pra você também, quando o rapaz da pipoca me deseja um bom filme. (Uma vez, disse à moça da bilheteria: Eu me amo!; ainda por cima, menti.) Em qualquer lugar que esteja, eu sempre imagino possíveis catástrofes ao meu redor; gosto disso.
E no trabalho, sempre que posso, aproveito a distração alheia e, fingindo fazer anotações importantes, escrevo os rascunhos de textos estúpidos como este.

20120425

14 de dezembro:

Ela desapareceu por algumas horas mas já a encontramos.

Estava deitada no meio da trilha.

projeto escultural:


20120424

13 de dezembro:

Nós fazemos nossa própria comida.

Não há nenhum adulto aqui.

20120423

12 de dezembro:

O irmão mais velho de meu amigo foi dirigindo.

20120422

11 de dezembro:

Você quer ir pra praia?

Ela disse sim.

20120421

10 de dezembro:

Um amigo tem uma casa na praia e me chamou para ir lá depois de amanhã.

20120420

9 de dezembro:

Os dias todos se parecem.

Ela diz que sente falta de mim.

socorro dormi no onibus e não sei onde estou


20120419

8 de dezembro:

Churrasco em casa, meus pais beberam muito.

Cogitei convidá-la.

20120418

7 de dezembro:

Se é importante para você sim estamos namorando.

20120417

6 de dezembro:

Ela me ligou e fomos ao shopping.

Ela me perguntou se estamos namorando.

Diário de uma Sniper, 2

16/04, 23h00: As formigas psicossomáticas agora chegaram ao meu cafofo. Minha tocaia foi pro brejo: tenho que me coçar a cada minuto.

23h47: errei e esmaguei uma dúzia com o coldre.


20120416

belezas da ciencia


"Mesmo com aproximadamente dois terços do tamanho de Plutão,
sua distância do Sol dificulta a determinação de sua forma - não se sabe, portanto, se está em equilíbrio hidrostático.

Análises espectroscópicas revelaram que a composição de sua
superfície é parecida à de outros objetos transnetunianos,
sendo principalmente uma mistura de gelo de água, metano
e nitrogênio com tolinas.




Sua superfície é uma das mais vermelhas no Sistema Solar."


5 de dezembro:

Gosto de quintas-feiras.

20120415

4 de dezembro:

Fiquei em casa e joguei videogame o dia inteiro.
.

Tio, o que é aquilo?
Aquilo?
É, aquilo ali.
Aquele?
Não. Aquilo.
Ah.
O que é?
Aquele?
.
.
.

20120414

3 de dezembro:

Fui ao shopping com alguns colegas e assisti Harry Potter.

Ela pegou meu pau de novo.

Diário de uma Sniper

05/04, 12h: A gorda cresceu e agora é púbere. Lá está ela com o namorado, balançando a barriga pro irmão caçula. Vão entrar todos juntos na piscina e fazer muitas ondas.

12h13: errei.

.

guardei todas as minhas fichas
de modo que o fliperama já não me suportasse.


.

20120410

minha irmã

ela chegou em casa e ela me disse
"que que cê tá olhando?
que que cê tá fazendo?"
e eu gritei pra ela:
"Nada!", "eu não tô fazendo nada!"

ela me persegue
ela me pune
às vezes acho que ela não tem coração
ou que ela acha que eu sou um brinquedinho

a gente mal conversa
ela já chega gritando
aí eu fecho a janela do navegador
coloco as calças
e eu grito pra ela:
"Nada!", "eu não tô fazendo nada!"

poxa vida
caralho
"eu não tô fazendo nada!"

não me olha assim que eu me sinto pivete

20120409

uma música:

My girl in her dress
Means such distress
My girl going out toni-ight
We argue we have a fi-ight


But in the end, she'll do as she please
In the end, it's always like this:


My girl in her dress
And I in distress
My girl going out toni-ight
Even after our last fi-ight


And when she's gone, I'm home alone
And I wait for her to return...


My girl in her dress
Ignores my distress
My girl is out toni-ight
Don't remember 'bout our fi-ight


And she calls home, 3AM as I try to sleep
And I say "'hon, please never leave!"


And I think of her dress
And I'm not in distress
And I want her her toni-ight
And I promise we'll never fi-ight


And we're fine, and we always will be
Just as long as she's staying with me


(repete)

20120403

1 de dezembro:

O professor me encarou durante toda a prova e agora acabaram as aulas.

30 de novembro:

Ela pegou meu pau e perguntou se eu estava nervoso e eu disse que era claro que não.

20120401

na geladeira:

mãe,

como você pediu, estou botando água nas plantas a cada três dias, à noite.
é bom porque é refrescante, durante o dia está muito quente!
a maria está ficando comigo, então pode ficar tranquila que a casa está inteira.

ontem fui procurar gelo pra botar no copo, mãe.
encontrei canequinhas com água congelada, dentro delas havia nomes.
você os odeia?

ontem bateu aqui em casa um homem barbudo.
a maria foi quem disse: "bateu em casa um homem barbudo!".
eu não tava em casa, mas ela disse: "um homem barbudo e alto e com cara de bravo".
isso lá é descrição?

ele disse, disse ela, que voltava hoje.
não sei, mãe, não gosto de visita assim.
gente que eu não conheço, alta e barbuda.
quem é ele?

ontem eu não tava em casa porque eu fui comprar espelhos novos para o interruptor.
esses últimos que você comprou são muito ruins.
não tinha mais luz na sala.

agora tem luz na sala.
também tem água nas plantas.
não tem mais nomes no congelador…
e eu espero o homem barbudo.
morte em abril